O Linkin Park recentemente colaborou com os Veteranos Americanos do Iraque e Afeganistão para chamar atenção para o problema dos suicídios que ocorrem com recrutas e veteranos.

Durante a Carnivores Tour, a banda mostrou bandeiras simbolizando o número de veteranos – 22 – que o Departamento de Veteranos estima que morrem por suicídio todos os dias. A banda também fez uma compilação de fotos de pessoas em serviço após o acontecimento do dia 11 de Setembro, para o vídeo Wastelands, e além disso, falou sobre os veteranos e agradeceram seus serviços durante os shows.

É uma honra conhecer todos vocês, homens e mulheres das forças armadas, que protegeram a nossa liberdade todos os dias” disse o Chester Bennington durante o show do dia 8 de Setembro em Denver. “O melhor país do mundo, e é por causa desses homens e essas mulheres que saem e arriscam suas vidas por todos nós…. não importando quem somos nós ou em que nós acreditamos.“. Assista o vídeo do Chester falando sobre isso:


A Military Times recentemente conversou com o Mike Shinoda sobre o porquê da banda ter decidido chamar atenção para os suicídios de militares e veteranos. Confira a entrevista:

O que fez vocês participarem da campanha da IAVA chamada “Escolta para o Combate ao Suicídio” durante a Carnivores Tour?

Nós sempre tivemos uma ligação especial com os militares. Já vi vários vídeos enviados para o YouTube por soldados que usaram a nossa música como trilha sonora das suas experiências. Eles nos disseram pessoalmente que a nossa música era uma trilha sonora envolvente das suas experiências na guerra e na sua volta para casa.

Você estava ciente do problema de suicídio entre de veteranos e militar antes de se envolver?

Com certeza. Eu sabia que havia este problema, mas não tinha ideia da quantidade. Paul Rieckhoff, fundador e CEO da IAVA.org, me disse que existem 2,8 milhões de soldados que estão voltando para casa do Iraque e do Afeganistão que precisam de ajuda física e mental. Com tantas pessoas voltando para suas casas, é um grande desafio.

Por que você se sente envolvido na causa e o que você espera que seja realizado com a sua participação no projeto?

Quando Robin Williams faleceu, eu li um texto comovente sobre suicídio escrito por Elizabeth Hawksworth chamado “O suicídio não é”. Ela comentou que muitas pessoas chamam o suicídio de “um desperdício” e caracterizam as pessoas que tiram suas vidas como “fracas”. Por outro lado, ela pediu para que as pessoas vejam o suicídio como uma decisão difícil, embora desesperadora, por uma pessoa que não tem mais opções, cuja dor é tão grande que já não consegue ver nenhuma alternativa. Nosso objetivo é criar conexões para que os soldados nunca cheguem a esse ponto.

iava5

Paul Rieckhoff e Mike Shinoda

Você já teve que lutar com pensamentos sobre suicídio? Se assim for, o que ou quem o ajudou a passar por isso?

Como muitos adolescentes, tive momentos difíceis, quando eu achava que ninguém se importava. Quando somos crianças, nossa química fica toda bagunçada e nossas emoções ficam fora de controle. Teve vezes que conversar com amigos e familiares ajudou, e teve outros momentos que tudo o que eu realmente precisava era esperar a tempestade passar. De qualquer forma, posso seguramente dizer que nada que eu estava lidando era tão difícil como o que nossos veteranos estão passando. É por isso que essa situação precisa de atenção especial. … [Se eles estão em apuros] existem tantas pessoas com quem conversar que podem compreender os problemas e tentar ajudar.

Muitas músicas suas lidam com a depressão, o isolamento e até mesmo o suicídio – como a Breaking the Habit – Que músicas os fãs militares gostam, por que e qual a mensagem que você espera repassar?

Nossos fãs militares tendem a ficar em torno de materiais como Wastelands ou Castle Of Glass. Além da música e da letra, talvez essa conexão tem algo a ver com o fato de que não se trata de política. Nosso esforço em ajudar os soldados é uma questão humanitária, que diz respeito as pessoas. Espero que os veteranos sintam a nossa profunda gratidão por seu serviço e esperamos que nossos esforços ajudem a dar o apoio necessário para restabelecer as suas vidas.

iava1

Mike Shinoda e a equipe da IAVA.org

Confira outras fotos do Linkin Park com veteranos da IAVA:

iava2

iava4

iava3

iava_1

iava_2

iava_3

Linkin Park e o piloto de stock car Cale Conley em parceria com a IAVA

Fonte: NavyTimes | Tradução e Adaptação Linkin Park Brasil

convoy_header-copy

IAVA: Escolta para o Combate ao Suicídio