0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

O Linkin Park está no meio de uma enorme promoção do seu mais recente álbum, The Hunting Party, e o guitarrista da banda Brad Delson tirou alguns minutos de sua agenda lotada para uma conversa com o anfitrião da Loudwire Nights, Full Metal Jackie. Brad fala sobre a direção do álbum The Hunting Party, sobre o recente show que trocaram o álbum Hybrid Theory em um festival e sobre a introdução da banda no Guitar Center RockWalk (Calçada do Rock) em Hollywood. Confira o bate-papo:

O novo álbum “The Hunting Party” esta lojas agora. Mike Shinoda descreveu o “The Hunting Party” como um disco de rock barulhento. Criativamente a partir de sua perspectiva como guitarrista, o que foi mais emocionante para você?
Foi fazer um disco agressivo, com instrumentos dirigidos tecnicamente e ainda progressivo. Toda vez que vamos ao estúdio, nós queremos forçar as barreiras, sonoricamente. Para nós, foi como voltar ao passado e se reconectar com a paixão que tínhamos em tocar, quando éramos adolescentes. Também é uma manifestação da nossa experiência em fazer músicas e querendo criar algo que é progressivo e que não tínhamos feito antes.

Brad, de que forma fazer, um álbum mais pesado, fez você voltar aos seus anos de formação como músico, quando você estava começando a aprender a tocar guitarra?
Quando eu comecei, com 12 ou 13 anos, eu estava obcecado. Levava a guitarra para todos os lugares que eu ia. Eu tocava, 4-6 horas por dia durante 10 anos. Ao longo dos anos, fazendo álbuns, eu achei inspiração para tocar outros instrumentos e trabalhar em outros aspectos do processo de gravação. Neste álbum eu realmente, como você disse, eu me conectei novamente com aquela vontade de tocar todos os dias. Isso acabou sendo divertido durante a gravação. Eu realmente me apaixonei novamente em tocar guitarra todos os dias e eu espero que você possa ouvir o quanto foi divertido fazer esse álbum quando escutá-lo.

Vocês recentemente tocaram na segunda noite do Download Festival para tocar o Hybrid Theory na integra. Qual é o significado de fazer isso agora, no momento em que um novo álbum está sendo lançado?
Parece pertinente de alguma forma, porque quando fizemos o Hybrid Theory, nós estávamos fazendo algo que (as pessoas) não estavam ouvindo. Isso é o que nos levou a finalmente escrever algumas músicas. Tivemos esse mesmo fascínio e inspiração fazendo o The Hunting Party. Sentimos como se houvesse uma fusão de elementos e sons e uma perspectiva de composição que (as pessoas) não estavam ouvindo. Isso é o que nos levou a fazer essas musicas.

A Guitar Center RockWalk em Hollywood inclui alguns homenageados emblemáticos como Jimmy Page, Aerosmith, Van Halen e Queen. Agora, o Linkin Park também está lá. Isso faz a sua música parecer diferente agora para você que está incluído junto com outros astistas amados?
Há tantos artista lendários que são homenageados no RockWalk em Hollywood. Ser colocado entre eles foi certamente surreal, é um privilégio. Eu acho que todos os caras estavam realmente dominados pela emoção por esse reconhecimento incrível. Tivemos nosso começo em Hollywood. Esse foi o primeiro Guitar Center que fomos quando tivemos o nosso primeiro contrato, e tivemos dinheiro para ir comprar instrumentos de verdade. Passamos muitas horas naquela loja quando estávamos saindo da escola e tentando construir nosso arsenal de instrumentos. Então, ser homenageado entre todos os grandes nomes, certamente é especial e estamos muito agradecidos por essa apreciação e reconhecimento.

Brad, você está ativo no lado do negócio da indústria da música também. Como é a satisfação de você começar nos bastidores em comparação com a adrenalina de estar no palco?
Bem, há uma serie de aspectos em estar em uma banda e, certamente, a arte vem em primeiro lugar. Nós também nos orgulhamos do nosso desempenho, obrigado por reconhecer isso. Realmente tentamos botar a mão na massa, seja fazendo as ilustrações do nosso álbum ou preparando nossos produtos e merchandise, tudo que diz Linkin Park, orgulhamo-nos disso. Nós sempre estamos envolvidos em cada aspecto da banda. Eu acho que os fãs sentem o orgulho e o amor que colocamos em tudo. Acho que isso é parte da razão pela qual temos uma forte conexão com tantas pessoas ao redor do mundo.

Fonte: Loudwire | Tradução Linkin Park Brasil

© 2014, www.linkinparkbrasil.com. O melhor portal de notícias do Linkin park no Brasil

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Deixe seu comentário sobre essa Notícia

comentários